Notícias

27/01/2014

Doda Miranda fica em terceiro no GP do Festival Equestre de Inverno, na Flórida

<<Prev Next>>

O medalhista olímpico Doda Miranda conquistou na madrugada desse domingom, 26/1, a terceira posição no Grande Prêmio Fidelity Investments CSI3* do Winter Equestrian Festival, em Wellington, nos Estados Unidos. No dorso de AD Norson, Doda garantiu o pódio ao completar o percurso do desempate com uma falta em 39s61. O grande vencedor foi o cavaleiro britânico Ben Maher / Cella (0/0 - 38s68), número dois no ranking da Federação Equestre Internacional, seguido pelo conterrâneo Scott Brash / Ursula XII (0/0 - 39s05), atual número um do mundo.

O cavaleiro brasileiro ficou bastante satisfeito com o resultado e possui grandes expectativas para esta temporada. "AD Norson é um cavalo muito bom. No começo eu estava usando-o para as provas de velocidade e desde 2010 eu comecei a competir em provas mais fortes e ele se saiu muito bem. Estivemos juntos nos Jogos Pan-Americanos de 2011, onde conquistamos a medalha de prata por equipes. Aqui ele está saltando muito bem e está de volta ao que era antes. AD Norson é realmente um bom cavalo, muito competitivo e eu adoro saltar com ele", contou Doda.

O course designer brasileiro Guilherme Jorge foi o responsável pelos percursos das provas internacionais na terceira semana de disputas em Wellington. Dos 45 conjuntos que participaram do Grande Prêmio, apenas dez foram habilitados ao desempate, entre eles Doda Miranda, que não cometeu penalidades na primeira volta e teve um dos melhores tempos do desempate.

"Eu gosto de vir para Wellington por dois motivos: desenvolver os cavalos e trazer cavalos novos. Estar aqui por três meses é o equivalente a um ano de trabalho na Europa. Você pode fazer muita coisa e conhecer melhor o cavalo. Eles voltam para a Europa em excelente forma. O hipismo aqui é de alto nível porque reúne os melhores cavalos e cavaleiros do mundo. É muito competitivo", disse Doda sobre a temporada nos Estados Unidos.

O Festival Equestre de Inverno acontece até o dia 30 de março no Palm Beach International Equestrian Center, em Wellington, na Flórida e irá distribuir oito milhões de dólares em prêmios. Com duração de 12 semanas e provas de diversas categorias é a maior e mais longa competição de hipismo do mundo com a participação de cinco mil cavalos e 2800 cavaleiros de 31 países.


Outras Notícias

Rua Corumbá, 4000 - Candeias
Jabotão dos Guararapes - PE | 54430-200

chzs@chszs.com.br
+55(81) 3469-3290 | 8737-5009

+55(81) 98802-5000

ZAITE Tecnologia