Notícias

26/06/2017

Seletiva para Olimpíada da Juventude e FEI World Jumping Challenge movimentam o Haras Albar em Campinas

<<Prev Next>>

O Concurso de Salto Nacional 2* e 2ª Etapa Copa Chevaux de Hipismo no Haras Albar, nova entidade de ponta na região de Campinas, entre 8 e 11/6, com provas de 1 a 1.45 metro, já está em pleno andamento. Especialmente para a nova geração do hipismo brasileiro, a programação engloba duas importantes seletivas para os Jogos Olímpicos da Juventude 2018, de 1 a 12 de outubro de 2018 em Buenos Aires, e o FEI World Jumping Challenge 2018, em local e data ainda a serem defindos pela Federação Equestres Internacional.

Todas as provas no Haras Albar têm armação do course-designer internacional Helio Pessoa, exceto, as duas provas do FEI World Jumping Challenge – cujos percursos seletivos são os mesmos em todo mundo – e esse ano tem assinatura de Guilherme Jorge, que armou os Jogos Olímpicos Rio 2016. A prova válida como seletiva olímpica da juventude também é a segunda e última seletiva do FEI World Jumping Challenge tem altura de 1.30 metro e será disputada em 2 percursos distintos, no sábado, 10, a partir das 9h00. A seletiva olímpica é aberta a atletas nascidos entre 01 de janeiro de 2000 e 31 de dezembro de 2003 e há somente uma vaga em joge. No FEI World Jumping Challenge o critério é ter idade mínima de 14 anos (a ser completada até 31/12/2017) e que nos últimos 03 três anos em prova internacionais a 1.35 metro ou mais elevadas.

Largada da competição Na última prova dessa quinta-feira, a 1.30 metro, disputada em dois percursos distintos e válida como 1ª parcial do World Jumping Challenge, o placar foi dominado pela nata jovem. Sagrou-se vencedor, Philip Greenlees montando Premiere Avignon Z, com duplo zero, em 62s09. A 2ª posição ficou com Thales Marino montando Balla 12, também com dois percursos sem faltas, 64s45. Na 3ª colocação chegou a amazona Daneli Miron com MD Serenada do Montesc, sem faltas, 67s53.

Nas duas primeiras edições dos Jogos Olímpicos da Juventude de Verão, em Singapura 2010 e Nanquim 2014, a América do Sul foi muito bem representada. Marcelo Chirico, uruguaio que treina no Brasil, levou ouro individual em Singapura e quatro anos mais tarde em Pequim, a amazona paulista Bianca Rodrigues integrou a equipe sul americana medalha de prata.

Outras provas

Pela manhã, o cavaleiro olímpico carioca Stephan Barcha com Zilverstone Chevaux, que defende Brasília, venceu a primeira disputa, a 1.35 metro, sem faltas em 57s30, superando demais 48 conjuntos. Com seu Calvorado JMen, o top de Minas Gerais Rodrigo Sarmento chegou em 2º lugar, 60s80.Na série 1.20 metro, Carmen Negrão do Nascimento com CT Anna Bolena venceu a categoria Amador. Entre os Jovens Cavaleiros, Helois Machado de Carvalho com Xanadu GMS levou a melhor e na categoria Mirim, Leandro Abrahão com com Pouko Louko garantiu o 1º posto.


Outras Notícias

Rua Corumbá, 4000 - Candeias
Jabotão dos Guararapes - PE | 54430-200

chzs@chszs.com.br
+55(81) 3469-3290 | 8737-5009

+55(81) 98802-5000

ZAITE Tecnologia